Metal Reunion Zine

Blog que reúne notícias referentes a bandas, artistas, eventos, produções, publicações virtuais e impressas, protestos, filmes/documentários e quadrinhos independentes/underground ligados de alguma forma a vertentes da cultura Rock'n'Roll e Heavy Metal do Brasil e também de alguns países que possuem parceiros de distribuição do selo Music Reunion Prod's and Distro e sua divisão Metal Reunion Records.

segunda-feira, 30 de março de 2015

MYTHOLOGICAL COLD TOWERS libera teaser do novo álbum, ”Monvmenta Antiqva“

MYTHOLOGICAL COLD TOWERS liberou recentemente capa e o tracklist de seu quinto full-length, ”Monvmenta Antiqva“. 


Agora o grupo libera um vídeo promocional do novo disco, confira:
https://www.youtube.com/watch?v=cMV-e-KQbuc

O álbum foi gravado e mixado no Friends Audio Studio, exceto a bateria que foi gravada no Mosh Studios. ”Monvmenta Antiqva“estará disponível no dia  06 de abril de 2015 via Nuktemeron Productions. 

Confira abaixo o tracklist de ”Monvmenta Antiqva“:
1. Beyond the Frontispiece
2. Vetustus
3. Votive Stele
4. Of Ruins and Tragedies
5. Sand Relics
6. Baalbeck
7. Strange Artifacts
8. Vestiges

Fonte
http://www.sepulchralvoicefanzine.com/2015/03/mythological-cold-towers-libera-teaser.html




DEAD SS - RJ


Link


Fonte 
Pesquisa Music Reunion

THE ENDOPARASITES: Disponível a compilação 'The Bloody Times from Demo Tapes'

Está disponível a compilação 'The Bloody Times from Demo Tapes'  da  lenda do Splatter brasileiro THE ENDOPARASITES. 
A compilação  foi lançada em uma parceria dos selos Voz da Morte e Erinnys Records e possui as quatro demos do grupo,  as duas primeiras 'The Endoparasites' (91) e 'Generalized Infection' (92) ,uma promo de 95 e um demo ensaio de 1989. Possui um encarte tipo poster, um livreto de meio oficio em couché com oito paginas contendo Biografia, fotos e as letras da musicas e um poster no tamanho A4.
Para celebrar o lançamento de 'The Bloody Times from Demo Tapes', THE ENDOPARASITES se reunirá para uma única apresentação no Rio de Janeiro no dia 26 de abril de 2015 ao lado das bandas DISFIGURED BY HATRED, PERSECUTER e VERMIS. Para saber mais sobre essa apresentação histórica, acesse AQUI.


Relação das músicas de  'The Bloody Times from Demo Tapes':
1.     Negativy Sense       
2.     Members Torn Appart       
3.     Worms in Guts       
4.     Disease of Paget       
5.     Defecated Bilis       
6.     Small Cavities with Infernal Gonorreah       
7.     Eminent Suicide       
8.     Prelude to Pathological Experiences       
9.     Pain       
10.     The Entombment       
11.     Worms in Guts       
12.     Intestinal Whirlwind       
13.     Carcharodon Carcharias       
14.     Eminent Flesh Decay       
15.     Day of Carcass       
16.     Disease of Paget       
17.     Defecated Bilis       
18.     Small Cavities with Infernal Gonorreah       
19.     Self Necropsy       
20.     Eviscerate the Fashion Follower       
21.     Massacre of the Slaughterer Kids       
22.     Tearing Your Face with Rage       
23.     Day of Carcass       
24.     Pussy Whipped       
25.     Anal Rectum Crepitation       
26.     Carcharodon Carcharias       
27.     Scarnification       
28.     Bubble Butt (M.O.D. cover)   

   
Fonte
http://www.sepulchralvoicefanzine.com/2015/03/the-endoparasites-disponivel-compilacao.html    

NECRO - Confira o single 'Contact'

O power trio alagoano da  NECRO lançaram o single 'Contact'! 
A bela capa ficou a cargo do Estúdio  Cumbuca.


Ouça abaixo ou acesse o Bandcamp da banda: https://necronomicon.bandcamp.com

Fonte
http://www.sepulchralvoicefanzine.com/2015/03/necro-confira-o-single-contact.html

TURBULÊNCIA CEREBRAL FEST I - UHRIT (FINLÂNDIA) + PÓS SISMO + BAGA + THRASHERA + ORRÖR + BAPHOMASTER - DATA: 04/04/2015 - BRÁS DE PINA - RJ

VERME DO MANGUI . PRODS E MATADOR FEST
APRESENTAM:

TURBULÊNCIA CEREBRAL FEST I



Com as bandas:
UHRIT (FINLÂNDIA)

Pela primeira vez no Rio de Janeiro!!!!








BAPHOMASTER - Baphomaster

*20hrs (Primeira banda. em ponto mesmo galera, vamos seguir o cronograma certinho com os horários, Churrasco a partir das 17 horas)

*Churrasco 0800
*Venda de Materiais das bandas
*Sorteio de Camisas (Anti-Play t-shirts)
*Sorteio de Cds (Selo Metal Reunion Label & Distro)

Quanto? 0800 
(CONTRIBUIÇÃO VOLUNTÁRIA, PARA ARCAR COM OS CUSTOS DAS BANDAS)

LINK DO EVENTO AQUI

Fonte
Pesquisa Music Reunion

INCINERAD: Gravações e produção do álbum interrompidas


Confira abaixo a nota postada na pagina oficial no Facebook, da banda de Death/Blcak Metal de Indaiatuba/SP INCINERAD, sobre o atraso do lançamento do seu full-length intitulado "Trucidati".


INCINERAD | Gravações e produção do álbum interrompido.

É com muito desgosto e descontentamento que estamos aqui para notificar que a produção do nosso disco full, intitulado TRUCIDATI, está parada. O motivo se deu que mais uma vez caímos nas mãos de produtores incapacitados que nos entregou a gravação com uma edição e mixagem completamente amadora, além de nos dar uma canseira de 1 ano para entregar as musicas, colocando a produção na mão de um moleque de 18 anos absolutamente sem preparo algum.

Em tentativas anteriores de gravar o disco, só para formalizar nossa situação, o produtor não concluiu o trabalho e, como se não bastasse, desapareceu com nosso dinheiro, na qual também perdemos dinheiro nesta ultima gravação. 

Estamos tentando achar outras alternativas para que possamos gravar o disco e assim que tivemos algo sólido e, desta vez, confiável e profissional, informaremos todos.

Apesar de todas as dificuldades estamos firmes e seguindo nossa árdua batalha. Novidades vem por aí...
Obrigado a todos que nos apoiam e fazem parte da chama negra. Vocês nos dão a preciosa força que precisamos pra seguirmos em frente sem baixar a cabeça!

Um salve urrado para todos vocês, e aos eternos pilantras oportunistas de plantão, o nosso colossal FODA-SE!!!

Assinado,
Lauro Nightrealm
Emanuel Kronéis
Flavio Decaptor
Ricardo Gore

Emanuel Kronéis, Flavio Dall Apria, Ricardo Gore

Fonte
http://www.sepulchralvoicefanzine.com/2015/03/incinerad-gravacoes-e-producao-do-album.html

ASPHYX em turnê no Brasil

A produtora brasileira Cronos Entertainment, está agendado uma turnê no Brasil no mês de Outubro de 2015, da Banda de Death/Doom Metal holandesa ASPHYX.

Promotores interessados entrem em contato.


Fonte
http://www.sepulchralvoicefanzine.com/2015/03/asphyx-em-turne-no-brasil.html

FORKILL novo álbum começa a tomar forma

Conforme já divulgado anteriormente, o novo álbum dos cariocas do FORKILL levará o título de “Old Skulls”, e segundo informações do guitarrista Ronnie Giehl, “uma tempestade Thrash abrirá novos “wall of death” durante os shows!”. Embora ainda não tenham definido o track list por completo, algumas músicas vêm sendo tocadas nos shows, garantindo aprovação imediata, dentre elas: “... In Your Face”, “Let There Be Thrash”, “Old Skulls”, “Keepers of Hate” e “Lucifer’s Tears”.

E foi no “Unmasked Metal Fest” que algumas destas músicas foram apresentadas, comentou Ronnie, inclusive a novíssima “The Hell Will Arise”: “Tocamos ela com exclusividade neste grande evento organizado pelo pessoal do Unmasked Brains! Quisemos dar um diferencial, e a galera agitou do início ao fim! Insano! O evento foi um marco no underground do RJ! Acho que será lembrado por muitos anos, pois foi realmente histórico para a cena daqui e acho que as coisas vão mudar daqui para frente (só o tempo dirá), mas acredito que após esse evento muitos que estavam lá comecem a acompanhar as bandas autorais, pois foi percebido que muita gente que estava lá não costuma frequentar os shows, por exemplo... O evento é sim um divisor de águas! “.

O próximo show do FORKILL está agendado para o dia 03/05, no Botecando Snooker & Moto Rock Bar, localizado no bairro Campo Grande, na cidade do Rio de Janeiro, ao lado das bandas Persecuter, Milhouse e Blindspell.

Informações completas em: http://goo.gl/WGZqlc

Ouça o debut “Breathing Hate”: http://goo.gl/B4zPvO

Fonte
http://www.sepulchralvoicefanzine.com/2015/03/forkill-novo-album-comeca-tomar-forma.html

NECROMESIS álbum de estréia está disponível para venda

“The Poet’s Paradox”, álbum de estreia da banda de Death/Thrash Metal oriunda de Santo André NECROMESIS que atualmente conta na sua formação com Mayara Puertas (Vocal), Daniel Curtolo (Guitarra), Gil Oliveira (Bateria) e Gustavo Marabiza (Baixo), já está disponível na loja virtual da Shinigami Records e em breve em todas as lojas especializadas. Adquira a sua cópia com desconto de 10% até hoje, 20 de março, no seguinte 

ink: http://bit.ly/17BpWKh.

O álbum apresenta a síntese de seus quase dez anos de carreira nas 12 faixas trabalhadas no Death Metal aliado a diversos elementos e influencias que permeiam o Thrash, Black Metal, Progressivo e música tradicional brasileira.

Confira o clipe da faixa ‘Indifferent Echoes of Sensitivity’ que faz parte do álbum: http://bit.ly/1ocjNVp

TRACK LIST

1-End of the cloistered

2-Desocial Inclusion
3-Self Condemnation
4-Evolving a Paradox
5-The Life is Dead
6-Awake
7-Condemned by Themselves
8-The Omission of Living
9-Indifferent Echoes of Sensitivity
10-Final Truth
11-The Last Stage of a Mind 


Maiores informações acesse: shinigamirecords.com

Fonte
http://www.sepulchralvoicefanzine.com/2015/03/necromesis-album-de-estreia-disponivel.html


1° União Metal - Bueiro do Rock - Teresina / PI - Resenha Show

Dessa vez sem dúvidas a Brothers of Metal Prod passou dos limites quando se fala em shows que valorizam o Underground. Quem foi sabe do que estou falando.

Mas calma aí, passou dos limites de uma forma bem inusitada e não uma forma negativa. Quem diria que um festival como o que fizeram acabou dando realmente certo. 
Algumas vezes ouvimos que o underground está morto, que o rock está morto. Porra, o rock morto?! Não creio. Nunca acreditei. E o evento que aconteceu no último dia 14/03 provou exatamente a chama pela qual é acendida todos os dias por esse Brasil, que reuniu um público que rendeu comentários positivos e uma energia vibrante a todas as bandas que tocaram no 1° União Metal (Por ironia do destino o nome ficou igual a um mesmo fest de São Luis, mas não são a mesma produtora e nem o mesmo show).

No evento que se teve inicio por volta das 9:40 (Apesar da chuva um pouco antes, o evento seguiu normalmente e não houve problemas técnicos que atrapalhassem as bandas pra valer). Quando cheguei havia muita pouca gente presente na porta e já dentro, algo estranho porquê foram vendidos até um número legal de ingressos apesar do curto tempo que foi deixado nos postos de vendas, porém esse foi só um ‘estopim’ para detonar a noite. Após uma boa conversa com os membros do War Torment comentando sobre breve assuntos, com o Symphony Draconis que já estavam a postos em seu stand, com o grande brother Vinny Fist, os outros do Fist Banger que esbarrei logo na entrada e com Danilo (Selvageria), eis que o War Torment se posiciona no palco para detonar os tímpanos dos bangers presentes. 

A banda após um grande hiato foi convidada através do David Mazuad para promover a sua volta que alguns já aguardavam e fazer reviver momentos memoráveis que chegaram a fazer anos atrás (No período pela qual pararam eu nem andava em show ainda, então posso somente afirmar que a evolução ficou suprema e muito mais evoluída do que a gravação que fizeram), um show com repleto riff devastador que me lembrou
bastante o Dissection e o lendário Morbid Angel. O vocal de Marcius superou minha expectativa quando tocou a faixa pela qual conheci eles, 'Sons of War', que insanidade. 

A banda apresentou um show primoroso, como era de se esperar. Percebi que havia vários da plateia que estavam ali pela primeira vez e viram um monte de novidades (Tomara que esses que frequentaram pela primeira vez ali tomem gosto pela coisa e passem a ir mais a eventos autorais, serão muito bem recebidos), como funcionava o sistema, como era curtir um show assim. Foi lindo. Apesar do calor que a chuva só fez aumentar (Os gaúchos ficaram 'só a lama' no final da apresentação deles), apesar das dificuldades de trazer uma banda novamente a ativa como esta, fizeram o que prometeram e pode colocar no currículo 'TAREFA FEITA'.

Não demora muito para o Fist Banger começar a aprontar os equipamentos para detonar com o veloz e ‘batedor de cabeça’ Speed/Thrash cearense apresentando músicas que fazem parte do seu EP de estréia, a banda mandou ver sem dó e sem piedade em seu setlist médio e não erraram uma nota sequer. Em um certo momento Vinny achava que as caixas de som havia algum defeito, mas ele conferiu e estava tudo OK sem desperdiçar sua voz potente e característica. Mas porra, a piração foi tão intensa que o novato na banda acabou quebrando o parafuso
onde fica acoplado a ''bandoleira'', isso no meio das músicas, tentaram até usar outros meios para consertar mas infelizmente não deu. Aliás, Vinny, dá próxima pede pra costureira melhorar essa calça!

E quem disse que isso tirou a energia dos caras?! A apresentação rendeu mais que em 2013, parecia que cada um já estava adaptado com o clima daqui. Muitos foram por eles, outros foram pra conhecer, enfim... E quem disse que isso tirou a energia dos caras?! A apresentação rendeu mais que em 2013, parecia que cada um já estava adaptado com o clima daqui. 

Muitos foram por eles, outros foram pra conhecer, enfim... Além das composições próprias, o ponto alto do show foi quando Vinny, Jardel, Yan , Paulo e Igor optaram em um momento tocando ‘Agent Steel’ (Agents of Steel) e no final disparam o petardo ‘Power Thrasing Death’, do Whiplash, fazendo com que o público pire de vez para finalizar a apresentação. Eu avisei que iria valer a pena em 2013 e avisei novamente, se caso estou errado pode falar...
E para quem ainda não os conhecia, depois desse show tenho certeza que se tornaram fãs, sinal disso é no final do evento praticamente não haver mais merchandising da banda a venda, tamanha foi a procura por seus CDs e
camisetas.

Não foi a toa que tive o prazer de resenhar o debut desses gaúchos e ter ficado surpreso pela técnica e profissionalismo que continha ali. 
Banda que desde 2006 vem se destacando no cenário do metal nacional e até mundial, com apoio vindo de países como EUA, Chile, entre outros... Apresentaram um setlist recheado de músicas de seu álbum, durante o show, Nekard comentou sobre sua primeira apresentação no nordeste, sobre a distância que percorreram, e sem enrolação começaram a tocar uma das mais esperadas músicas, Ain Soph Aur, regada com as vozes do público que decorou rapidamente o que Nekard queria, além de alguns terem ouvido a faixa disponibilizada através do youtube. 

As indicações fiz da banda para amigos realmente viram que não foi a toa, até agora não recebi nenhum comentário negativo sobre isso, e creio que nem irei receber. Cada integrante possui a evidência que merece, são músicos extremamente entrosados, que levam a sério aquilo que fazem, que mostram de ponta a ponta o sentido da palavra METAL EXTREMO. 

É um tipo de banda que sai da mesmice e demonstra sinal de inovação, sinal de que ainda tem muito para mostrar. Nekard além de ser uma simpática pessoal, demonstrou que não veio para brincadeira, demonstrou que o Brasil tem sim bandas de Black Metal com uma qualidade gringa, com uma massa bem distribuída, e com ele os outros sem dúvidas são da mesma forma (Follmer que o diga. Putz, 6 cordas?! Rápido, frenético, intenso e forte. Isso define ele sem dúvidas). Thiernox, foi um prazer conhecer você pessoalmente, espero um dia ir em outro show ai em POA e trocar ideias junto com o Pilatus e Brutal Morticinio, hein?! 
Formada por Nekard (vocal), Thiernox (guitarra), Aym (guitarra), Follmer (baixo) e Vogel (bateria), o grupo praticamente pôs o Bueiro do Rock a baixo com um Black Metal rápido, pesado e empolgante. É um crime você não conhecer a banda!

E pra fechar com uma chave veloz de ouro, SELVAGERIA. Os caras não medem consequência na rapidez. Mais acima citei que não teve problemas na aparelhagem, mas eis que nesse momento adicentalmente durante segundos teve uma falha na guitarra de César, mas não foi motivo para a banda parar ou diminuir a interação com a galera que ainda estava em peso. 

O quarteto teve todas as suas músicas cantadas pelo público como, Trovão de Aço, Na Lâmina da Foice, Metal Invasor e a fuuuuudida HINO DO MAL, fora as que não estavam no setlist e as novas (Que por sinal estão melhor do que eu esperava). A pancadaria também não abriu espaço para descanso, tão tal que Tomás não parava quieto, fazendo que a galera pirasse ao mesmo tempo dando a energia para ficar cada vez mais eletrizante. Energia que durou até o último suor de energia, até a última gota de coragem, que curtiu até o final sentiu a pressão e mostrou que o evento foi sensacional e que as bandas fizeram os papéis certos.

Todas as bandas tiveram excelente público (mesmo os anfitriões do Selvageria, que acabaram depois um pouco das três da manhã, para os heróis que ainda estavam em pé àquela hora), todos da plateia divertiram-se como se não houvesse amanhã. Algo que não posso deixar de falar foi o jogo de luzes que havia no palco, uma estrutura pouco vista no underground, um som completamente audível, bateria sem ‘turbulência’, microfone sem fio (Facilitando para os vocalistas que gostam de pular, deitar, rolar, enfim...), foi mais que bem sucedido. Parabéns a todos os envolvidos, e parabéns novamente por mais um show excelente Brothers of Metal.

Pequenos trechos do que rolou no evento: 


Por Pedro Hewitt

Fotos por: Mary Matos, Romulo Clemente, Paulo Mendes e bandas.

Metalmorphose: capa e título do novo álbum


A lendária banda carioca METALMORPHOSE está prestes a lançar seu novo álbum e anuncia não só o título, mas também apresenta a capa.
O disco foi batizado de ‘Fúria dos Elementos’ e recebeu a capa da empresa Imaginativa Design, renomada empresa carioca que já havia trabalhado com o METALMORPHOSE anteriormente no DVD e no álbum ‘Máquina ao Vivo’, além de ter assinado também a arte do Super Peso Brasil. O material sairá em Digipack.

André Bighinzoli, baixista da banda, comenta sobre o material: “a arte é interessante por causa do duplo sentido do título. A capa mostra uma ilustração dos elementos da natureza em fúria, e a contracapa mostra uma imagem dos “elementos” da banda em estado de fúria.“

‘Fúria dos Elementos’ será lançado em breve em uma parceria entre os selos Voice Music, Musitrax, Urubuz, Black Legion, Underground Brasil e Rising.

O álbum foi gravado no estúdio Naked Butt (RJ) e produzido por Gustavo Andriewiski. Em breve uma música será apresentada.


Sites relacionados:

Fonte: Metal Media

Gritando Hc comemorando 20 anos no subúrbio carioca! Data: 05/04/2015 - Brás de Pina / RJ

Fonte
https://www.facebook.com/suburbiopointalternativo 

Mini-Documentário: TORTURE SQUAD na Masters of Monsters Tour


O programa Heavy Metal On Line, embarcou juntamente com o Torture Squad e o Bloodskin, para uma mini tour, chamada Masters of Monsters. O giro percorreu três cidades do Brasil, sendo Belo Horizonte, Brasília e Uberlândia. A convite do produtor Sólon, diretor do Liverpool Bar de Brasília, o apresentador Clinger Carlos, embarcou junto nesta viagem e captou os principais momentos dos shows e das viagens e logo elaborou este documentário mostrando tudo que rolou nas 3 datas desta importante tour.
Foram captados também depoimentos de todos os envolvidos no projeto, onde os mesmos puderam expor suas opiniões, contar histórias e comentar sobre os importantes momentos vividos na estrada.
Confira mais este projeto com o assinatura do Programa Heavy Metal On Line.
 


Fonte
Heavy Metal On Line
 

Hammurabi: novo single e bônus disponíveis online


Depois de declarar em letras garrafais que o Imperador está de volta ao front, o HAMMURABI disponibiliza o single “The Emperor Returns to the Front” alguns dias após o lançamento oficial do vídeo.


Além de “The Emperor Returns to the Front”, o HAMMURABI traz ainda dois bônus para os fãs, “Blessed by Hate”, single de 2009, uma ótima prévia do que viria a ser o álbum “The Extinction Root” e ainda o bootleg ao vivo, “Burning in Cuiabá” com músicas extraídas do show realizado em 2011 na capital do Mato Grosso durante a tour brasileira “The Extinction of Nation Tour” que teve mais de 40 shows por todo o país.

Todos os discos podem ser ouvidos via Spotify, Deezer, iTunes, Google Play, entre outros.


O novo single foi gravado e produzido pelo HAMMURABI no Mr. Som Studio, supervisionado e masterizado por Marcello Pompeu e Heros Trench. A arte da capa ficou por conta do artista Hugo Silva da Abacrombie Ink (Project 46, Feartone, Miasthenia) em parceria com o vocalista, e também designer, Daniel Lugondi.

Já o videoclipe de “The Emperor Returns To The Front ficou a cargo de Willians de Abreu da Lab Brain Filmes  (http://williansdeabreu.com).

Lembrando que tanto na música, quanto no clipe há a participação mais que especial do lendário baixista do Korzus, Dick Siebert.


Sites relacionados:

Fonte: Metal Media

Imminent Attack: capa, título e música do novo álbum


Tudo pronto para mais uma nova experiência “mamutesca”! O IMMINENT ATTACK está prestes a lançar seu novo álbum e nos apresenta a capa, título e uma música!



O título, como já é de praxe na discografia dos mamutes é uma mistura de ironia, sarcasmo, bom humor e expressiva falta de esperança na humanidade: ‘Welcome To My Funeral’.

A capa novamente ficou a cargo do membro “extra” do grupo Carlos Cananéa.

Toda a produção do disco, da gravação até a masterização foi feita no Estúdio Casanegra, nas mãos do guitarrista Rafael Augusto Lopes, que além de tocar com o IMMINENT ATTACK, também é um dos principais produtores do Metal nacional.

A música escolhida para apresentar o novo trabalho leva o título de ‘Work, Buy, Die’. Mais “mamutesco” que isso, impossível:


O lançamento será feito muito em breve, pelo selo Metal Maximus.

O grupo levará a promoção de ‘Welcome To My Funeral’ para Europa em sua primeira turnê por lá com início no dia 30 de abril e segue até o final de maio, inclusive passando pelo renomado festival SWR Barroselas.

Contato para shows e merchandise: kabeloduro@gmail.com

Sites Relacionados:

Fonte: Metal Media

Hellsakura: disco será lançado no Japão via MCR/Karasu Killer e no Brasil pela Shinigami Records


O HELLSAKURA acaba de confirmar novamente a parceria com o selo japonês Karasu Killer que irá lançar o vindouro ‘Venömrizer’ na Terra do Sol Nascente. O selo japonês é distribuído pela empresa MCR e tem em seu catálogo lançamentos de bandas brasileiras e japonesas como Gangrena Gasosa, Bandanos, Darge, entre outros: www.karasukiller.com


Já no Brasil, o lançamento ficou a cargo da renomada gravadora Shinigami Records, que além de apoiar amplamente as bandas nacionais, trouxe para o mercado brasileiro gigantes como Slayer, Arch Enemy, Paradise Lost, entre outros  (www.shinigamirecords.com.br).

Recentemente o HELLSAKURA anunciou as participações especiais do álbum. Os músicos do NERVOCHAOS estarão presentes no disco, assim como o João Test, da banda TEST.

Nos convidados internacionais está o guitarrista norte-americano do lendário grupo de Death Metal IMMOLATION, Bob Vigna.

Colocando a cereja no bolo, Serpenth, músico da banda austríaca BELPHEGOR, que não apenas participa do disco, mas também criou o novo logo do HELLSAKURA e a arte da capa de ‘Venömrizer’.

Este novo álbum também marca o primeiro lançamento da formação atual como um quarteto, com duas guitarras, tornando o som mais metal, vigoroso e pesado.

O HELLSAKURA conta com a produção da Loud Factory onde registra as dez faixas que compõem o álbum.


Sites Relacionados:

Fonte: Metal Media